Programação músical


Das 18:00 às 22:00

A SEGUIR

Das às
+ VER PROGRAMAÇÃO COMPLETA
NOTÍCIAS | PROMOÇÕES
Esportes
Itália empata com a Suécia e fica fora da Copa pela primeira vez desde 1958
Azzurra não conseguiu furar a barreira montada pelos Escandinavos e ficou no 0 a 0; seleção será a única campeã mundial ausente do torneio na Rússia


(Internet)

A Itália pressionou durante os 90 minutos, mas não conseguiu superar a barreira montada pela Suécia e ficou no 0 a 0, no Giuseppe Meazza, em Milão. O resultado deixa a Azzurra fora da Copa do Mundo pela primeira vez desde 1958, após ter perdido, em Solna, na partida de ida por 1 a 0. É a única seleção campeã mundial que irá ficar fora da competição. Por outro lado, os escandinavos voltam após ausências em 2010 e 2014.

Sem Verratti, o técnico Giampiero Ventura colocou o ítalo-brasileiro Jorginho como titular. O jogador do Napoli foi bem, principalmente na etapa inicial, e conseguiu desafogar o meio de campo da Azzurra, com bons passes que não visavam apenas aos alas Candreva e Darmian. No ataque, o treinador entrou com Gabbiadini, deixando Belotti como opção. De Rossi também ficou no banco. 

A Itália foi para cima e dominou todo o primeiro tempo. A seleção adiantava a marcação, pressionava a saída de bola e não deixava a Suécia sair para o jogo. Em dois lances na frente, os escandinavos pediram pênalti, após a bola bater no braço de Darmian e Barzagli. Os italianos também pediram uma penalidade em Parolo. Nas três ocasiões, o árbitro mandou seguir.
A Azzurra atacava mais com Candreva pelo lado direito. O meia da Inter quase abriu o placar em chute que passou raspando. Jorginho, pelo meio, procurava Immobile. Aos 15 minutos, o atacante da Lazio recebeu e bateu na rede pelo lado de fora.
Apesar de ter muitos jogadores no ataque, a Itália abusava dos cruzamentos para a área, a maioria não levava perigo e a defesa cortava com certa facilidade. Os jogadores demonstravam nervosismo a cada lance desperdiçado na frente. A torcida estava apreensiva. Nos minutos finais, El Shaarawi obrigou Olsen a grande defesa. Buffon foi para área nos acréscimos, mas nada conseguiu de proveitoso.
O goleiro Gianluigi Buffon, campeão do mundo em 2006 e um dos maiores ídolos do país. Logo após o empate por 0 a 0 com a Suécia, nesta segunda-feira, em Milão, o jogador lamentou o resultado e anunciou sua aposentadoria da equipe nacional.

No fim, classificação sueca, que se garante na Copa do Mundo. 


Fonte: Lance

Postado por Adan Guerra
14/11/2017 às 10:31


   
Rádio Educadora AM - 1120 KHz ::
Av.Dep. Ivan Ferreira do Amaral Filho, 86 Fone: (42) 3635-1120 - Laranjeiras do Sul - PR